JEJUM // DIA #6 - O MARIDO É O LÍDER DA CASA

Efésios 5.22-24

“Mulheres, sujeite-se cada uma a seu marido, como ao Senhor, pois o marido é o cabeça da mulher, como também Cristo é o cabeça da igreja, que é o seu corpo, do qual ele é o Salvador. Assim como a igreja está sujeita a Cristo, também as mulheres estejam em tudo sujeitas a seus maridos."



Deus, em sua soberania e sabedoria, estabeleceu as autoridades. Em Romanos 13. I -2 fica claro que toda autoridade é constituída por Deus: ¹Todos devem sujeitar-se às autoridades governamentais, pois não há autoridade que não venha de Deus; as autoridades que existem foram por ele estabelecidas. Portanto, aquele que se rebela contra a autoridade está se colocando contra o que Deus instituiu, e aqueles que assim procedem trazem condenação sobre si mesmos.


No casamento Deus delegou a autoridade de liderança ao marido. Isto não significa que a esposa esteja em segundo plano ou em um grau de inferioridade. Toda instituição precisa de um líder, e no casamento essa responsabilidade pertence ao marido. O conceito não é que a mulher tenha uma posição de subserviência passiva, mas sim uma submissão inteligente, entendendo que a parte mais difícil Deus colocou nos ombros do marido, que é a responsabilidade de ser o líder do lar e de tomar as decisões. Claro que a esposa tem os seus direitos, opiniões e vontades, e deve sempre argumentar de forma respeitosa, mas a decisão final pertence ao marido.


Infelizmente, muitos maridos não assumem a sua posição de liderança, e o lar, ou fica sob a liderança da esposa ou fica como um navio navegando à deriva, sendo levado por todo tipo de onda e vento. A liderança do lar é uma responsabilidade muito séria, o que inclui a educação dos filhos e a direção nas decisões que a família vai tomar. Um bom líder assume o comando, delega responsabilidade a outros e sempre visiona o bom andamento da instituição.


A comparação que o apóstolo Paulo faz é muito interessante. Ele diz que o marido é o cabeça da mulher, como Cristo é o cabeça da igreja. Ele ama e dirige a sua igreja, delegando cargos, funções e dons, que a levam a cumprir a sua missão aqui na terra. Da mesma forma, o marido deve compreender a sua esposa, entender sua personalidade, dons e talentos, e ajudá-la a utilizá-los, dentro dos objetivos que os dois juntos determinam para o seu lar. Por exemplo, se a esposa é uma boa administradora, o marido poderá delegar a administração financeira para ela, apenas supervisionando para que seja mantido dentro do orçamento e metas determinadas.


Se a esposa é uma boa pedagoga, o marido poderá delegar a educação secular a ela, sempre acompanhando o desenvolvimento dos filhos. Já a educação cristã e a vida espiritual da família devem ser executadas pelos dois sob a responsabilidade principal do marido, como sacerdote do lar.


Marido, nunca se esqueça, que assim como Cristo faz com a igreja, sua liderança deve ser encharcada de amor, cuidado, proteção, carinho e muito respeito para com a sua mulher.


Motivos de Oração e Jejum Dia#6 

  • Para que você não seja negligente como líder da sua família.

  • Para que você exerça a autoridade de líder com muito amor, respeito e consideração à família.

  • Para que você seja um bom exemplo de sacerdote tanto para os de fora quanto para os de dentro da sua casa.

46 views0 comments

© 2020 by Ministério Casais Jovens

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon
  • Grey Twitter Icon

Rua José Paulino, 1829  - Campinas - São Paulo, Brasil